Saudações...

By 5:11 PM

E mais uma vez, sumi por um longo tempo.

Ando tão ocupada com (os meus pensamentos) outras coisas que acabo esquecendo de alguns hábitos antigos, até mesmo escrever, que era o meu preferido. Ok, vou ser honesta, tenho estado ocupada cozinhando, afinal, comer é o que mais tenho feito nos últimos meses. Nesse exato momento, escrevo o post sentada na mesa da cozinha enquanto aguardo os cookies ficarem prontos e brigo com o meu cachorro (sim, tenho outro cachorro agora) que está tentando arrastar a segunda pá pra dentro de casa.


Por incrível que pareça, as coisas estão indo bem, seria mentira se eu dissesse que tudo está bem, tendo em vista que é impossível que as coisas caminhem 100% do jeito que gostaríamos.

(Pausa no post pra dizer que os cookies ficaram prontos e praticamente todos eles se desfizeram quando tentei tirá-los da forma. Chef = fail!)

Voltando...agora em Agosto completo 2 anos trabalhando como autônoma, mas mesmo vivendo nessa instabilidade por todo esse tempo, eu ainda não me acostumei com toda a rotatividade e imprevisibilidade, ainda me espanto quando perco 4 alunos e ganho 5, ou quando chego no final do mês e recebo menos (ou mais, embora seja raro) do que esperava. Há épocas em que amo meu trabalho, afinal, quem não gostaria de ter um trabalho flexível? Porém, há outras, como agora, em que o detesto. Não por ser um trabalho difícil ou nada do tipo - embora seja, dependendo do ponto de vista - mas, porque alguns alunos têm simplesmente o dom de fazer com que eu me sinta desmotivada e sem pique pra continuar trabalhando. Há alunos que somem e aparecem quando querem, há outros que acham que eu tenho 24 horas do dia disponível pra eles, há também os que esquecem das aulas marcadas e me deixam esperando por 30 minutos - ou mais - e não aparecem, nem avisam que não irão. Coisas assim me fazem questionar porque diabos ainda não mudei de profissão, mas aí surge também toda aquela masturbação mental que me faz concluir que ainda está pra nascer o emprego perfeito.

(Outra pausa pra dizer que meu cachorro desistiu de arrastar a pá e agora resolveu mastigar o chinelo.)

E há algumas semanas, descobri que definitivamente estou entrando pro clube das "donas de casas", em um dia ensolarado, eu não penso mais "Que dia lindo, vou ao parque", mas sim "Caramba, hoje vou conseguir lavar roupa". What the hell is going on with me? Ok, maybe I know the answer for that.

Hora de encerrar o post pra ir me deliciar com os cookies esfarelados (já comi dois enquanto terminava de escrever).

Boa semana a todos!

You Might Also Like

0 comments