Amarga como fél e fria como a neve.

By 12:13 AM

Foram duas das palavras utilizadas para me definir na semana que passou. Apenas duas entre tantas já utilizadas no passado, uma sempre mais afiada que a outra, por assim dizer. Não que as mesmas tenham me causado algum desconforto, elas apenas me fizeram refletir, esse é um dos meus males, eu reflito demais. "Além da conta", como diria minha mãe.
Por muito tempo me rotulei como uma pessoa fraca, totalmente manteiga derretida, daquelas que sempre desabava diante de qualquer encruzilhada. E também, por anos me preocupei com a forma na qual eu era vista pelos outros...se meus cabelos eram brilhantes o bastante ou se meu corpo se encaixava nos padrões da sociedade, por horas a fio eu me submetia a torturas mentais, com medo de não ser aceita ou por achar que eu não era tão inteligente quanto fulano ou tão extrovertida quanto ciclano. Sempre quis ser os outros, exceto eu mesma. Mas os tropeços da vida me ensinaram muito mais do que eu poderia esperar, hoje olho para trás e me surpreendo ao notar que eu sobrevivi em momentos em que achei que seria tomada pelas sombras. E hoje eu não sou um coração gelado, apenas descobri que sou forte e que não preciso me remoer a cada tropicão que der.

Meu feriado passou como um relâmpago, quando dei por mim, terça-feira já batia na porta.
Meu feriado teve seus altos e baixos e principalmente momentos em que não tive muito orgulho de alguns atos meus.

Ontem, acordei com uma energia fora do comum e resolvi cozinhar, mas não aquela culinária comum que estamos acostumados a por em prática todos os dias, eu queria algo diferente, resolvi inventar uma torta, misturando um monte de tranqueiras da minha geladeira. Batatas, cenouras, linguiças, sardinha, e por aí vai, no fim notei que eu havia destruído minhas unhas mas, valeu a pena, pois as tortas ficaram deliciosas.

E depois de muito tempo, resolvi assistir um pouco de televisão, tudo bem que, já eram 10 horas da noite quando o fiz, mas enfim, assisti a um filme chamado "Lista - Você está livre hoje", o nome não me animou muito, mas mesmo assim, arrisquei e para a minha surpresa, o filme era muito bom, adoro filmes de investigação ou então aqueles tensos, em que vc não consegue tirar os olhos da tela. Também assisti a uma entrega de prêmios bem diferente, chamava "Scream Awards", uma premiação voltada apenas para filmes de terror, a decoração do teatro em estilo noites do terror do playcenter. A platéia toda fantasiada e obviamente que a maioria vestia-se de vampiros, so predictable. A estatueta dos prêmios era uma estaca, ah...como eu queria uma pra mim. E claro que ao dormir, fui visitada por milhares de pesadelos - um pior do que o outro - apesar que, já estou me acostumando com eles.
E por fim, resolvi alterar algumas coisas em meu "quarto" - entre aspas porque ainda está longe de parecer com um. Antes era uma "sala de TV", mas resolvi me apossar dele no último ano e desde então, venho modificando-o gradualmente, na esperança que um dia ele ficará com a minha cara. Eu queria pintar as paredes, mas a preguiça ainda não me permitiu.

Estou terminando de escrever meu livro, já dei inicio ao último capítulo, provavelmente o terminarei em cerca de duas semanas, que medo.

Mais uma semana começa e ainda tenho esperanças que o dia de hoje será repleto de surpresas boas.

Have a nice day folks.

You Might Also Like

1 comments