Um brinde às reviravoltas!

By 5:13 PM

Eu tive um fim de semana pra lá de esquisito, daqueles que em um minuto vc está rindo e pulando e no outro sentada no cantinho do sofá com uma expressão facial que mereceria o prêmio de "melhor cara de bunda do ano", e eu particularmente acho esses altos e baixos um saco, ou fica bem ou fica mal, essa gangorra infinita detona a paciência de qualquer homosapiens.

E ontem eu tive a prova viva de que realmente não devemos tentar cozinhar se não estivermos bem. Resolvi fazer uma mousse de chocolate, há muito tempo que eu não erguia as mangas e botava a mão na massa, mas então, em uma tarefa simples que era derreter as barras de chocolate, eu falhei. Eu fiquei abismada quando vi que as barras viraram farinha, e nessa hora pensei que a mousse estaria perdida e não vou negar que a minha vontade era de tocar o foda-se e arremessar tudo na parede, mas pra não desperdiçar o meu tempo e o dinheiro que gastei com os ingredientes, respirei fundo e resolvi ir até o fim pra ver o que saíria dali e, depois de algumas horas, me surpreendi em ver que é uma das melhores mousses que eu já fiz.

Mas apesar de toda a esquisitice, tudo teve um lado bom. Eu notei que há pessoas com quem eu possa realmente contar. Que atenderão o telefone em qualquer hora do dia, até no meio da madrugada, só pra conversar, me ouvir e fazer com que eu me sinta melhor. Então são nessas horas que o medo passa e pensamos: "Cara, eu não estou sozinha.", deveras.

E hoje a semana começou completamente diferente, tive um ótimo dia, parece que todo aquele fantasma que pairou sobre mim desde sexta, virou pó. Hoje eu senti aquela ânsia em começar novamente, um sentimento tão forte que resolvi dar a cara a tapa pra algumas coisas e me impressionei com o resultado. Fui almoçar na rua e voltei pra casa me sentindo renovada, ciente de que hoje dei o meu primeiro passo e que de agora em diante, estou pronta pro que der e vier. Bring it on, bitch!

Um brinde ao recomeço, amigos!

You Might Also Like

2 comments